Black Friday e Natal: como serão as compras neste ano?

Desde o início da pandemia as vendas através de plataformas digitais aceleraram. Nessa Black Friday, 86% dos consumidores vão priorizar as compras online.



Anúncios



Anúncios

Black Friday e Natal

COMPRAS ONLINE

A Black Friday e o Natal estão se aproximando. Chegando em um ano atípico em nossas vidas.

E como serão as compras neste 2020?

Pelo que apontam os dados, serão feitas muito mais pela internet.

De acordo com uma pesquisa da Rakuten Advertising, empresa de soluções para afiliados, 86% dos consumidores vão priorizar as compras online.



Anúncios

A pesquisa “O Caminho para a Retomada: os Picos de Venda para 2020 Repensados” aconteceu durante os meses de junho e julho deste ano.



Anúncios

Foram entrevistadas 8 mil pessoas em todo o mundo com objetivo de entender melhor a mudança de comportamento do consumo.

Desde o início da pandemia as vendas através de plataformas digitais aumentaram de forma acelerada.

O que diz a pesquisa?

Primeiramente diz que 86% dos brasileiros vão priorizar compras pela internet.

Essa informação mostra como é importante investir nos canais digitais.

A pesquisa revelou também que 90% dos chineses pretendem priorizar as compras pela internet.



Anúncios

Ou seja, há uma tendência mundial nesse sentido. Esse comportamento não é de hoje. Mas ele acelerou e pegou muita gente desprevenida.

Segundo a pesquisa, 78% dos brasileiros pretendem presentear alguém neste final de ano. No entanto, eles estão mais propensos a aproveitar ofertas sazonais.

Desse modo, Black Friday e Natal tornam-se as principais datas para o comerciante aumentar as suas vendas.

A pesquisa ainda mostrou que metade dos entrevistados vai priorizar compras em pequenos estabelecimentos.

Será o fim do comércio físico?

Não será o fim, mas um novo recomeço. Afinal, 58% dos entrevistados disseram gostar de fazer compras no comércio físico.



Anúncios

O que será necessário porém, é que o lojista se reinvente.

As lojas, além de seguir os protocolos de higiene, deverão ter funcionários treinados para o contato virtual com os clientes.

O sistema delivery não será restrito somente aos alimentos. Mas também a todo comércio, incluindo eletrônicos, vestuários, etc.

Portanto, é o momento do lojista repensar estratégias.


Veja também:



Anúncios


E o que fazer para vender mais na Black Friday e Natal?

Os comerciantes vão ter que apostar nos canais digitais.

Restaurantes precisam aprimorar a experiência do consumidor por meio de aplicativos. Estar mais próximo deles.

O comércio em geral precisa pensar em marketplaces próprios. Assim como os lojistas do Brás, que vendem roupas em São Paulo, já estão planejando isso.

Hoje temos uma variedade imensa de canais de comunicação que facilitam o acesso ao cliente: SMS, WhatsApp, Facebook, Instagram, LinkedIn.

As empresas precisam explorar isso. E essa dinâmica do mercado deverá continuar mesmo em um mundo pós-pandemia.



Anúncios

CARTÃO PAGBANK
CARTÃO DA CONTA DIGITAL

CARTÃO PAGBANK

NEGATIVADO
 
SEM ANUIDADE
O cartão da conta Visa PagBank é grátis e internacional.
Você permanecerá no site atual

Como serão os meios de pagamento na Black Friday e Natal?

Se antes o pagamento com papel-moeda predominava, agora isso mudou.

Os lojistas deverão se atentar nessa realidade. Quanto mais soluções de pagamento ele oferecer, melhor.

Hoje, bancos como PagBank possibilitam que o lojista mande um link para o cliente. Basta clicar e pagar.

O PicPay, assim como o Mercado Pago, também oferecem soluções de pagamento para os lojistas.

Inclusive, novembro será o mês de lançamento do Pix. Claro que haverá um tempo para a população se adaptar a ele.



Anúncios

Mas, é bem provável que nas compras de final de ano a plataforma do Banco Central já seja usada por muita gente.

2020, um novo mundo nasceu…

Conforme aponta a pesquisa e nossa própria percepção, 2020 deixará marcas eternas na sociedade.

Será o início de uma relação digital muito mais intensa. De uma mudança nos hábitos de compra.

A migração para o digital, o fim do papel-moeda, assim como a diminuição das agências bancárias são apenas algumas das mudanças previstas.

Teremos, portanto, que nos reinventar. E seguir a tecnologia é sem dúvida alguma, o melhor caminho.



Anúncios

PagBank, Banco Inter, Nubank e outros tantos bancos digitais estão mostrando essa tendência crescendo acima da média.

E você, já está preparado para essa mudança? Compartilhe este artigo nas redes sociais.