4 benefícios do cadastro positivo: saiba quais são!

O Cadastro Positivo chegou ao mercado com a intenção de servir como um banco de dados para facilitar o acesso ao crédito por uma grande parte desbancarizada da população brasileira.

Publicidade
Anúncios

Cadastro positivo

Cadastro Positivo

Há muitas dúvidas acerca do Cadastro Positivo. Até porque há muitas pessoas que acreditam que ele veio para atrapalhar e não ajudar. Essa é uma verdadeira crença errônea. Afinal, o cadastro positivo é bom para a população de baixa renda.

Isso porque existem bons pagadores que não são bancarizados, principalmente da classe D e C. Com o cadastro positivo, as empresas e instituições financeiras passam a ter mais informações sobre os hábitos de consumo dessas pessoas.

E apesar de existir desde 2011, foi somente a partir de 2019 que a inclusão no sistema se tornou automática, ampliando assim o número de pessoas na base de dados. Inclusive, os bancos e empresas de telefonia passaram a integrar o sistema também.

Como funciona essa plataforma?

O cadastro positivo nada mais é que um banco de dados com informações de pagamentos de contas dos clientes. Isso gera um histórico de crédito que vai desde empréstimos a contas relacionadas a consumo.

Anúncios
Publicidade

Esse histórico ajuda os bons pagadores de baixa renda a terem mais acesso ao crédito, além de baratear os juros dentro do Brasil. Afinal, as instituições poderão criar produtos mais personalizados para cada perfil de cliente.

Só para ter uma ideia, a Simplic, plataforma com mais de 4,7 milhões de clientes, elencou quatro benefícios que o cadastro positivo está trazendo na vida das pessoas. Eles vão de inclusão até ajuda para bancarizados.

Publicidade

Veja também:


1 – Inclusão e mais acesso ao crédito

O primeiro benefício enaltecido pela Simplic diz respeito à inclusão e o acesso ao crédito. Principalmente em relação às pessoas da classe C e D que muitas vezes não possuem sequer uma conta em banco.

De acordo com dados do Serasa, o Cadastro Positivo conseguirá garantir acesso ao crédito para mais de 22 milhões de consumidores. Isso vai beneficiar principalmente os profissionais autônomos que não possuem renda formalizada.

2 – Ajuda para negativados

Um outro benefício é que o sistema vai ajudar também as pessoas que estão com o nome negativado. Até porque, na maioria dos casos basta estar com restrição no nome para não poder ter acesso a nenhuma linha de crédito.

Publicidade

Mas isso não quer dizer que a pessoa é má pagadora, ela pode simplesmente ter se atrapalhado em alguma época da sua vida. Para quem está negativado não por má fé, mas por ter se atrapalhado, o sistema é positivo.

3 – Maior oferta de crédito e taxas de juros menores

Como o cadastro positivo funciona como uma espécie de currículo financeiro, ele proporciona uma análise mais apurada por parte das instituições financeiras. Isso gera uma maior oferta de crédito e taxas de juros menores.

Afinal, a análise de crédito por parte das empresas e instituições bancárias acaba sendo mais justa, conseguindo assim diferenciar um mau pagador de um bom pagador, gerando linhas de créditos mais direcionadas.

Publicidade

4 – Mais transparência na oferta de crédito

Por fim, o cadastro positivo vai gerar mais transparência na oferta de crédito. Isso acontece porque os birôs de crédito atuam como gestores do Cadastro Positivo. Então qualquer pessoa pode acessar o site da Serasa, por exemplo, e consultar o seu currículo financeiro.

E o consumidor pode ficar tranquilo, porque o sistema garante o sigilo de dados, uma vez que mediante a lei o seu uso só é permitido para fins de análise de crédito, financiamento e outras transações. Assim como o Cadastro Positivo, a Simplic, também está procurando ajudar os consumidores com uma plataforma de crédito pessoal, 100% digital.

Viu só como o Cadastro Positivo pode fazer a diferença no seu dia a dia? Se gostou deste artigo não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar o conhecimento.