Coronavírus: Caixa irá atender pelo WhatsApp para evitar aglomerações!

Publicidade
Publicidade

Por conta do coronavírus a Caixa Econômica Federal anunciou que estará atendendo pelo WhatsApp para evitar aglomerações.

Desse modo, o banco espera facilitar a adesão de serviços durante o período de quarentena, evitando assim que haja contato físico entre os clientes e os funcionários do banco.

Ao que tudo indica, nas próximas semana a pandemia de coronavírus deverá se intensificar no Brasil. Para se evitar um descontrole nos casos, diversos governos estaduais estão tomando medidas drásticas, como o fechamento do comércio por exemplo.

Os Bancos assim como as farmácias e supermercados deverão manter o atendimento ao público funcionando normalmente. Todavia, medidas estão sendo tomadas para se evitar aglomerações em todos os locais.

Anúncios
Publicidade

Caixa deverá atender pelo WhatsApp para evitar aglomerações

Diversos serviços poderão ser solicitados via WhatsApp junto à Caixa Econômica Federal. Dentre os serviços que poderão ser solicitados estão: renegociação de dívidas, renovação de contratos e pausa nas parcelas de empréstimos.

Para acessar o serviço basta o cliente mandar uma mensagem para o número 0800-726-8068 e informar o número do CPF. Ademais, à partir de quarta-feira (25/03) também será possível se comunicar com o gerente da agência por meio do WhatsApp.

Publicidade

Além do WhatsApp, a Caixa também está permitindo que os correntistas do banco ampliem os limites de movimentação bancária usando o aplicativo. Esse serviço também poderá ser feito por mensagem.

A estatal também está estruturando ações para aliviar os impactos do coronavírus como a pausa nas prestações, redução da taxa de juros e ampliação do empréstimo consignado para aposentados e pensionista do INSS.


Veja também:


Trabalho Home Office para conter a expansão do coronavírus

Publicidade

Fora as medidas anunciadas que visam de certo modo minimizar os impactos econômicos ocasionados pelo coronavírus, a Caixa também anunciou que 70% dos funcionários das agências estão liberados para trabalhar home office.

De acordo com a estatal, serão priorizados para trabalhar em casa os funcionários com mais de 60 anos, grávidas e lactantes bem como funcionários que estejam no grupo de risco em caso de contaminação pelo novo coronavírus.

Um outro ponto de destaque, é que a partir de hoje (23/03) o atendimento presencial sofrerá algumas restrições. Sendo assim, o atendimento ao público somente atenderá os seguintes casos:

Publicidade
  • Pagamento de benefícios previdenciários a segurados do INSS;
  • Pagamento do seguro-desemprego, seguro-defeso, abono salarial e FGTS.

A Estatal também informou que passará a abrir uma hora mais cedo para realizar o atendimento junto aos idosos que são o maior grupo de risco.

O Coronavírus assombra toda a economia brasileira

Assim como a Caixa, outros bancos também estão anunciando medidas para minimizar os impactos do coronavírus. Afinal, ainda não se sabe até onde o vírus chegará e quais serão as consequências trazidas por ele.

O ministério da saúde vem trabalhando para achatar a curva do crescimento do vírus e evitar que o sistema público de saúde entre em colapso. Acredita-se que o pico deverá ser ainda maior nos próximos dias.

A pandemia que trouxe temor ao mercado financeiro deverá, contudo, deixar ainda mais sequelas em toda a sociedade. Pois além dos impactos econômicos, também teremos impactos sociais e psicológicos de toda população.

Ainda há muitos rumores sobre a doença. Alguns verdadeiros, outros falsos, mas a verdade inquestionável é que teremos momentos difíceis pela frente.

Gostou deste artigo? Deixe o seu comentário, sua sugestão e compartilhe essa notícia com seus amigos nas redes sociais.

Publicidade