Um banco digital pode ajudar na educação financeira do seu filho?

Qual é a idade certa para educação financeira? E quando abrir uma conta para o seu filho? Mesada ajuda a educar? Tire essas dúvidas no texto a seguir.

Publicidade
Publicidade

Banco digital e o futuro dos filhos

Banco digital

A educação financeira é um tema que vem ganhando cada vez mais espaço entre as pessoas. Principalmente depois da pandemia.

Os brasileiros passaram a pensar mais no conceito de reserva de emergência, orçamento doméstico e redução de custos nesse último ano.

Mas não só isso. Muitos pais também estão procurando melhorar a educação financeira dos seus filhos. E os bancos digitais podem ser um grande aliado nessa jornada.

Quer saber como um banco digital pode ajudar na educação financeira do seu filho? Então continue por aqui mais alguns minutinhos.

Anúncios
Publicidade

Como começar a educação financeira do meu filho?

O brasileiro sempre foi um povo imediatista. Por natureza não somos poupadores, e nos preocupamos mais com o hoje do que com o amanhã.

No entanto, por conta das últimas crises vividas no país, e também por causa da pandemia de coronavírus, muita gente está procurando buscar mais conhecimento financeiro.

Publicidade

Inclusive alguns pais estão em busca de métodos para começar a educar financeiramente os seus próprios filhos. E isso é bom.

Afinal, ao começar a ensinar a educação financeira desde cedo, seus filhos já vão crescer dando mais valor para o dinheiro, evitando erros que ainda cometemos.

Por isso, a melhor maneira de começar é dando uma mesada educativa para seu filho, ensinando-o a poupar e gastar de forma correta.

Publicidade

A mesada tem um importante papel, pois ele vai saber quanto vai ganhar por mês, e então poderá começar a esboçar um planejamento para ter o que quer.

O pai precisa trabalhar como orientador, ensinando o filho a poupar e fazer escolhas em relação a comprar um produto ou outro com o orçamento curto.


Veja também:

Publicidade

E como dar essa mesada mensal para meu filho?

A melhor forma de começar a dar uma mesada para seu filho é abrindo uma conta digital para ele. Hoje em dia existem diversas opções.

Uma delas é a conta kids do banco Inter. Nela os pais podem começar a depositar a mesada dos seus filhos e ensiná-los a usar a conta digital.

Essa é uma maneira muito melhor de ensiná-los. Primeiro porque essa geração já está bem mais acostumada com a tecnologia.

Segundo, porque ao ter uma conta, você já começa a mostrar as opções de investimento para seus filhos, assim como o rendimento que uma aplicação teve ao final do mês.

Eles vão se familiarizando não só com a questão dos gastos, mas também dos investimentos. Ou seja, vão aprender a fazer escolhas certas até na hora de investir.

E no que mais um banco digital pode ajudar na educação financeira?

Além de proporcionar mais controle e ajudar o seu filho a ter contato com investimentos, os bancos digitais ainda podem ir mais além.

Publicidade

Afinal, seus filhos vão aprender como fazer transferências, pagamentos, recarga de celular e até comparação de preços por meio do marketplace.

Publicidade

Claro que a essência da educação financeira está no fato de dar a mesada educativa e orientar o filho nos gastos.

Mas, fazendo isso através de um banco digital ficará muito mais fácil de enraizar conceitos, e de mostrar o que é um investimento de renda fixa e renda variável, por exemplo.

Em linhas gerais é preciso que os filhos saibam dar valor ao dinheiro desde cedo, fazendo escolhas de consumo de forma correta e investindo parte do que ganham.

Além do Banco Inter, você pode abrir uma conta digital em outros bancos como o Banco Pan, por exemplo. A escolha é sua.

Mas, lembre-se: quanto mais cedo você começar a orientar seus filhos a lidarem com o dinheiro, mais educado financeiramente eles serão.

Publicidade

Gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos e parentes nas suas redes sociais.