5 cuidados que você precisa ter antes de tomar um empréstimo pessoal!

Fique por dentro das melhores recomendações para você fazer o seu empréstimo pessoal com segurança. Saiba mais sobre taxas de juros, prazos e outras condições de crédito.



Anúncios

Cuidados para solicitar empréstimo pessoal

Empréstimo pessoal

Está apertado, precisando de dinheiro para pagar as suas contas de começo de ano? Saiba que antes de tomar um empréstimo é preciso ter alguns cuidados.

Muita gente que passa por situação de aperto acaba abraçando a primeira oportunidade que aparece, e esse erro pode custar caro.

Afinal, há bastante diferença em prazos, taxa de juros e outras condições de empréstimos no mercado. E por essa razão, é importante sempre pesquisar.

Para te ajudar nessa empreitada, separamos 5 cuidados que você precisa ter antes de tomar um empréstimo. Dá só uma conferida.



Anúncios

1 – Evita entrar no rotativo do cartão e no cheque especial

Existem no mercado os chamados créditos emergenciais, que normalmente são o rotativo do cartão e o cheque especial.



Anúncios

Esses empréstimos são os mais fáceis de recorrer quando a situação aperta. Afinal, eles estão lá e não é preciso nenhum esforço para usá-los.

No entanto, a taxa de juros desses empréstimos é bem salgada. Só para ter uma ideia, o cheque especial gira em torno de 8% ao mês, ao passo que o rotativo do cartão ultrapassa a marca dos 10% ao mês.

Por isso, não use esse crédito em hipótese alguma. Talvez seja melhor atrasar uma conta até conseguir um empréstimo melhor, do que usar essas alternativas.

2 – Analise todos os encargos do empréstimo pessoal

Um outro cuidado que você precisa ter, é analisar todos os encargos de um empréstimo pessoal. Pois, eles não se resumem somente ao valor da taxa de juros.

Você terá que pagar em alguns casos a TAC (Tarifa de Abertura de Crédito) e também o IOF (Imposto sobre Operação Financeira).

Então, um dos pontos que você precisa dar atenção é para o CET (Custo Efetivo Total). É ele que vai mostrar quanto você pagará de encargos totais no empréstimo.

3 – Se tiver um carro ou moto quitados, tome um empréstimo com garantia

Se você possui um carro, uma moto, ou até mesmo uma casa quitada, a melhor opção é tomar um empréstimo com garantia.

Pois, nesse caso, você terá uma taxa de juros bem mais atraente, assim como um prazo bem maior para pagar a sua dívida.

Só para ilustrar, há casos onde a taxa de juros não chega nem a 1% ao mês. Se você comparar isso com o rotativo do cartão dá para ter uma base do tamanho da economia, não é mesmo?


Veja também:


4 – Faça um planejamento para não atrasar o pagamento das parcelas do empréstimo pessoal

Na hora de fazer a contratação do empréstimo pessoal certifique-se de que a parcela realmente caiba no seu bolso.

Até porque, se você atrasar o pagamento dela, irá pagar multa e mais juros de mora sobre o valor. E isso representa mais encargos para você. Além disso, ao não conseguir pagar o valor da parcela, o seu nome será negativado com o valor total do empréstimo.

Então, fazer um bom planejamento orçamentário, escolhendo a melhor data para o pagamento da parcela é a melhor maneira de evitar dores de cabeça no futuro.

5 – Pesquise bastante antes de tomar um empréstimo

Por fim, é importante pesquisar bastante antes de tomar um empréstimo pessoal. Veja todas as possibilidades, consulte as financeiras. Uma boa opção é se cadastrar na plataforma Bom Pra Crédito, pois lá você receberá proposta de várias financeiras.

Além disso, faça cotações também em grandes bancos como Santander, Itaú, Caixa, pois você pode encontrar sempre uma boa opção com juros mais atrativos.

De modo geral, ao tomar esses cuidados, certamente você vai encontrar uma boa opção que caiba no seu bolso.

Gostou deste artigo? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais.