Imposto de Renda 2022: saiba como serão as novas regras

A declaração do Imposto de Renda 2022 começou no último dia 07 de março e se estenderá até o dia 29 de abril. Além do prazo mais curto, uma grande novidade é que a restituição poderá ser feita através do PIX.

Publicidade
Anúncios

Imposto de Renda 2022

Imposto de Renda 2022

No dia 07 de março começou a declaração do Imposto de Renda de 2022, referente ao ano de 2021. Inclusive, houve algumas mudanças na regra, sendo que o prazo de entrega está um pouco menor e a restituição poderá ser feita através do PIX.

Vale destacar que a declaração é obrigatória em várias situações que veremos a seguir, sendo que quem não a fizer terá o seu CPF suspenso até a regularização. Por isso, o importante é não deixar para a última hora.

Neste ano, o prazo de entrega da declaração é até o dia 29 de abril, e para ajudar você nesse momento, separamos logo abaixo o que muda e quem são os brasileiros obrigados a fazerem a declaração. Dá só uma conferida.

CARTÃO PAGBANK VISA
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO PAGBANK VISA

SEM ANUIDADE
 
NEGATIVADO
O cartão Visa PagBank* é grátis, sem anuidade e internacional.
Você permanecerá no site atual

Quem precisa fazer a declaração do Imposto de Renda 2022?

Neste ano, precisam declarar o Imposto de Renda quem ganhou mais de R$ 28.559,70 de renda tributável no ano, seja em salário, aposentadoria ou aluguéis. Quem não atingiu essa renda mensal fica isento da declaração.

Anúncios
Publicidade

Além disso, também é preciso declarar o IR quem recebeu mais de R$ 40 mil isentos, não tributáveis ou tributados na fonte no ano. Aqui podemos citar indenização trabalhista e rendimento de aplicações financeiras como CDB.

Também deverão declarar o IR pessoas que tiveram ganhos com vendas de bens como casas, carros, entre outros. Quem adquiriu ou vendeu ações na Bolsa de Valores também é obrigado a declarar o Imposto de Renda.

Publicidade

Pessoas que ganharam mais de R$ 142.798,50 com atividades rural, ou obteve prejuízo rural a ser compensado no ano-calendário de 2021 ou nos próximos anos também precisam fazer a declaração do IR, assim como quem tem bens e direitos superiores a R$ 300 mil.

Quem passou a residir no Brasil em qualquer mês do ano de 2021 também é obrigado a fazer a declaração, assim como quem vendeu um imóvel e comprou outro dentro do prazo de 180 dias.


Leia também:


Prazo de entrega do IR em 2022 e restituição via Pix

O prazo de entrega do Imposto de Renda 2022 está mais reduzido, sendo que ele começou no dia 07 de março e vai até o dia 29 de abril. Nos últimos anos, o prazo costumava se iniciar entre os dias 01 e 02 de março.

Publicidade

Um dos motivos para o encurtamento do prazo, segundo a Receita Federal, é que o programa gerador da declaração atrasou por conta da operação padrão dos servidores do órgão. Por isso, não foi possível começar a declaração no início do mês.

Já uma novidade positiva é que neste ano os contribuintes que possuírem Imposto a Restituir em sua declaração do IR podem receber o valor devido através do PIX que é uma solução de pagamentos instantâneos desenvolvido pelo Banco Central.

Para usar o PIX na restituição é necessário ter uma chave cadastrada com o número do CPF, não podendo dessa forma serem usados números aleatórios e nem chaves de e-mail e número de telefone.

Publicidade

Vale destacar que a opção de restituição por meio da conta corrente informada na última etapa do preenchimento da declaração continua válida. Lembrando que o primeiro lote deverá ser pago no dia 31 de maio.

Multa para quem não cumprir o prazo de entrega

Os contribuintes que entregarem a declaração fora do prazo terão que pagar uma multa, com valor mínimo de R$ 165,74 e máximo de 20% do imposto devido. Portanto, é preciso ficar atento para não perder os prazos.

O programa do Imposto de Renda 2022 já está liberado para download desde o dia 07 de março para quem quiser fazer a declaração sozinho. Gostou? Então compartilhe com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais.