Investimentos: comece a construir a sua liberdade financeira

Você sabia que é possível começar a investir em opções como CDB´s, fundos de investimento imobiliários e até mesmo ações com menos de R$ 100 por mês? Confira.

Publicidade
Anúncios

Investimentos

comece a construir a sua liberdade financeira

Há um mito que ronda muitas pessoas no Brasil: para ter investimentos é preciso ter muito dinheiro. Saiba que com R$ 500 por mês é possível acessar a maioria das carteiras de investimentos do país.

Hoje em dia, por conta da pandemia de coronavírus, fomos levados a mudar a forma como lidamos com o nosso dinheiro. A chamada reserva de emergência ganhou mais espaço na vida das pessoas.

Muita gente foi pega desprevenida durante a pandemia, e diante disso passou a reduzir os seus custos para sobrar espaço para poupar. Mas, onde aplicar o dinheiro? Como construir uma reserva de emergência e fazer o dinheiro render?

Investimentos que você pode começar

Há pouco tempo atrás acreditava-se que para começar juntar dinheiro a única alternativa era abrir uma caderneta de poupança.

Anúncios
Publicidade

Hoje essa realidade mudou, e é possível começar a investir em outras opções como CDB´s, fundos de investimento imobiliários e até mesmo ações com menos de R$ 100 por mês.

O ideal é começar a montar uma carteira de investimentos diversificada, para minimizar assim o risco. E essa diversificação é possível mesmo sem ter muito dinheiro.

Publicidade

Também é preciso destacar que os investimentos se dividem basicamente entre renda fixa e renda variável. Isso quer dizer que alguns ativos podem oscilar enquanto outros não.

Por isso é importante avaliar o seu perfil e o seu apetite por riscos. Se você é mais conservador e quer correr menos riscos, o indicado é começar a construção dos seus investimentos em renda fixa.


Veja também:


Analise bem a corretora antes de começar os seus investimentos

Publicidade

Um outro ponto importante antes de você começar a investir é escolher uma corretora séria que cobre taxas baixas ou que simplesmente não cobre taxas.

Esse ponto é muito importante ser levado em consideração pois, dependendo do valor que você pretende investir por mês, a taxa pode comer a rentabilidade do seu investimento.

Para se ter uma base, existem investimentos em corretoras que você pode investir menos de R$ 10 por mês sem nenhuma taxa.

Publicidade

Além disso, um outro passo importante que você precisa dar é abrir uma conta digital. Bancos como C6 Bank e Banco Inter possuem uma gama bastante diversificada de investimentos.

Ademais, você também pode transferir os valores para uma corretora sem nenhum custo, pois os bancos digitais não cobram taxa de transferência. Pense que todo centavo economizado é importante neste começo.

Correndo riscos de modo calculado

Hoje em dia com a Taxa Selic no seu menor patamar da história, os investimentos em renda fixa estão rendendo muito pouco para os investidores.

Por isso, é importante buscar alternativas como investimentos em ações, fundos imobiliários, fundos multimercados e até mesmo criptomoedas.

No entanto, por se tratar de ativos de risco, o importante é diversificar o investimento, evitando assim colocar todos os coelhos na mesma toca.

Dessa maneira, o ideal é pulverizar ao máximo a sua carteira, aplicando um pouco em cada uma das opções disponíveis em renda variável.

Publicidade

Isso ajudará o dinheiro render mais, minimizando o risco. Afinal, se um ativo não apresentar o crescimento esperado, outro pode apresentar.

O importante é se organizar financeiramente

Publicidade

Para começar a poupar o importante é você se organizar financeiramente. Faça um planejamento de modo que você consiga pagar as suas contas e sobrar um dinheiro no final do mês.

Evite, portanto, os gastos por impulso. O consumismo é um dos principais vilões das nossas contas, e por isso ele deve ser evitado a todo custo.

Por mais que você está se privando de algo que gostaria, pense que você está construindo uma solidez financeira para não passar por um aperto caso venha a perder a sua renda.

Portanto, comece. Faça um planejamento, organize suas finanças e comece a investir uma parte do seu salário. Com o tempo você vai alcançar a tão sonhada liberdade financeira.

Gostou deste artigo? Deixe o seu comentário, sua sugestão e compartilhe esta notícia com seus amigos nas redes sociais.

Publicidade