JUSTA libera novas linhas de crédito para pequenos empresários



Anúncios



Anúncios

A fintech JUSTA em parceria com o banco BTG Pactual está oferecendo uma nova linha de crédito para pequenos e médios varejistas.

Essa linha nada mais é que o repasse do Programa Emergencial de Acesso ao Crédito (PEAC) do BNDES que visa ajudar os pequenos e médios empreendedores a enfrentar de forma menos turbulenta a pandemia de Covid-19.

Isso porque, desde o mês de março o Brasil passou a adotar o isolamento social, que obrigou diversos pequenos negócios a fecharem as suas portas.

Setores de turismo, assim como bares e restaurantes e o comércio em geral tiveram uma queda acentuada na receita, obrigando o governo a criar medidas para ajudar os pequenos empresários.



Anúncios

A linha de crédito da fintech JUSTA

Há pouco tempo atrás, a fintech JUSTA e o banco BTG Pactual criaram o programa #numerosqueimportam. Devido ao sucesso, as duas instituições decidiram aumentar o escopo da parceria.



Anúncios

A ideia é que os varejistas que são clientes da fintech possam acessar através do banco BTG Pactual os recursos do PEAC que estão sendo disponibilizados pelo BNDES.

Esse programa oferece condições facilitadas que são previamente acordadas. Com essa parceria tanto a fintech JUSTA quanto o BTG Pactual pretendem aumentar a abrangência da oferta de crédito.

Até porque o programa #numerosqueimportam era focado nos nano e micro varejistas visto que os financiamentos variavam de R$ 500 a R$ 15 mil.

Já essa nova linha de crédito atenderá clientes de maior porte. Pois a liberação do crédito vai de R$ 5 mil até R$ 10 milhões.

JUSTA identificou uma demanda na plataforma

De acordo com a fintech JUSTA foram analisados os dados e identificados uma relação de empreendedores que usam a plataforma e que estão precisando de ajuda neste momento.



Anúncios

Por isso, a fintech em parceria com o banco BTG Pactual decidiu ampliar o seu portfólio e oferecer essa linha de crédito para que esses clientes possam passar pela pandemia de forma menos turbulenta.

Para ter acesso à essa nova linha de crédito é preciso que o empreendedor faça a solicitação online na plataforma da fintech.

Atendendo todos os requisitos necessários, o empresário irá receber então os recursos à vista através de um depósito na sua conta corrente de maneira rápida, fácil e justa.


Veja também:

Moeda digital no Brasil? Banco central iniciou estudos para emissão



Anúncios

Tesouro Direto: você sabia que é possível investir em dívida pública?

Imposto de renda sobre lucros e dividendos? Entenda!


O crédito certo para quem mais precisa

De acordo com Eduardo Vils, fundador da JUSTA, a empresa é uma máquina de crédito do pequeno e médio comerciante, principalmente nas pequenas e médias cidades do país.

O diferencial da fintech é a prestação de um serviço com excelência que possui o sotaque regional. Afinal, a empresa conhece as necessidades de seus clientes de cada canto do país por atuar com parceiros locais.

A JUSTA foi fundada no ano de 2018, possuindo atualmente duas sedes, uma em Alphaville (SP) e outra em Recife (PE). A empresa atua com milhares de lojistas em sua plataforma que usam as soluções de pagamentos e créditos que são para eles oferecidos.



Anúncios

Da sua base de clientes, aproximadamente 50% estão localizados na região Nordeste sendo que a empresa possui mais de 200 representantes regionais em todo o país.

Esses representantes são chamados pela empresa de JUSTOS, pois cabe a eles identificar os empreendedores que mais precisam de crédito e ajudá-los.

Portanto, se você está precisando de um crédito com juros baixos, prazo estendido e sem toda aquela burocracia imposta pelos bancos, acesse o link e conheça a JUSTA.

Gostou deste artigo? Deixe o seu comentário, sua sugestão e compartilhe esta notícia com seus amigos nas redes sociais.