Novidades Méliuz 2022: novo cartão e conta digital

Com o objetivo de atrair mais usuários e garantir um crescimento ainda maior para o ano que vem, o Méliuz anunciou que em janeiro estará disponibilizando o seu novo cartão de crédito, acompanhado de uma conta digital.

Publicidade
Anúncios

Novidades Méliuz

novidades meliuz

O Méliuz anunciou recentemente algumas novidades para 2022 após apresentar o encerramento do seu terceiro trimestre deste ano. O período encerrou com um total de 20,8 milhões de contas abertas.

Para se ter uma ideia, isso representa um crescimento de 2 milhões de contas em relação ao trimestre anterior, conforme aponta a prévia operacional. No ano que vem, a empresa pretende crescer de forma ainda mais agressiva.

No comparativo anual, o Méliuz angariou mais 9,1 milhões de contas, pois ao final de setembro de 2020 sua base de usuários era de 11,6 milhões de clientes. Quer saber mais sobre as novidades envolvendo o Méliuz? Vem com a gente.

CARTÃO MÉLIUZ
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO MÉLIUZ

CASHBACK
 
SEM ANUIDADE
Receba de volta parte do dinheiro que gastar
Você permanecerá no site atual

Novo cartão Méliuz e nova conta digital

Apesar do crescimento no comparativo anual, houve uma diminuição no ritmo médio de abertura de contas no terceiro trimestre do Méliuz. Isso acontece por conta de uma mudança de estratégia da empresa visando o longo prazo.

Anúncios
Publicidade

Para se ter uma ideia, no terceiro trimestre de 2021 o ritmo médio de abertura de contas foi de 30 mil por dia útil, contra 39 mil no intervalo entre abril e junho deste ano. Ou seja, uma queda de quase 30%.

O Méliuz explicou em nota que essa queda está relacionada à estratégia de priorização do desenvolvimento do novo Cartão Méliuz que tem o lançamento previsto para janeiro do ano que vem. É o chamado passo para trás para dar dois para frente.

Publicidade

Além disso, outras novidades podem estar por vir. Uma delas é a conta digital do Méliuz que poderá atrair muitos usuários. Até porque muita gente usa o portal para fazer compras com descontos nos estabelecimentos parceiros.

Então, assim que o cashback cai na conta, é preciso esperar juntar R$ 20 para poder fazer a transferência de valores para uma conta corrente. Ao lançar uma conta digital, o usuário pode fazer diversas atividades dentro do Méliuz.


Leia também:


Baixa no setor de tecnologia em setembro

Não foi só o Méliuz que sentiu uma baixa no mês de setembro. As ações de tecnologia no Brasil, na qual o Méliuz se inclui, não escaparam à baixa do mercado no mês. Contudo, o futuro promete ser bastante promissor.

Publicidade

Conforme antecipamos, o Méliuz pretende abrir a sua conta digital que contará com o cartão de débito e crédito, além da emissão de boletos, transferências via Pix e muito mais. Isso poderá ajudar bastante no seu crescimento.

Até porque, quando alguém usa o Méliuz para fazer compras com descontos nos estabelecimentos parceiros, poderá receber o valor na conta digital e a transferência poderá ser feita na hora via Pix para outras contas.

Contudo, é possível que o Méliuz vá criar alguns atrativos para manter os consumidores mais ativos usando a sua conta, uma vez que poderão deixar o dinheiro lá e fazer toda a movimentação que precisam.

Publicidade

Um pouco mais sobre o Méliuz

Méliuz é uma startup brasileira que foi criada no ano de 2011 com o objetivo de popularizar o cashback no Brasil. Até então, esse conceito não era difundido no país, embora nos Estados Unidos ele já tivesse chegado há algumas décadas.

Ao todo a empresa já conta com 3 mil parceiros que oferecem cashbacks em praticamente todas as compras que são feitas. Além disso, hoje é oferecido um cartão de crédito no qual as pessoas contam com 0,8% de cashback em todas as compras que fizerem.

Vale destacar que no dia 05 de novembro do ano passado, o Méliuz lançou o seu IPO, tornando-se a primeira startup brasileira a ser listada na B3. E para 2022 muitas novidades interessantes estão chegando.

Gostou deste artigo? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar o conhecimento.