Pagamento do Pedágio com cartão de crédito? Entenda!

Quer praticidade e segurança para pagar o pedágio nas rodovias? Continue a leitura e entenda o novo pagamento por cartão de crédito.

Publicidade
Publicidade

Pagamento do Pedágio com cartão de crédito

Pedágio cartão

Já pensou se você pudesse fazer o pagamento do pedágio com cartão de crédito? Essa realidade está mais próxima do que você imagina.

Aliás, algumas concessionárias já aceitam o pagamento por aproximação. No entanto, isso ainda é bastante pontual.

Porém, o Projeto de Lei (PL) 4.643/2020 que modifica a Lei 8.987 de 1995 prevê que cartões de crédito e débito sejam incluídos como meio de pagamento de pedágio nas rodovias federais.

Quer saber mais sobre essa PL? Então continue mais alguns minutinhos com a gente.

Anúncios
Publicidade

Pagamento do Pedágio com cartão de crédito

Quando o governo brasileiro começou a privatizar as rodovias, o cartão de crédito ainda era um meio de pagamento pouco utilizado.

Afinal, isso aconteceu lá no ano de 1995. Na época foi criada a Lei 8.987. Ela dispõe sobre o regime de concessão e permissão de prestação de serviços públicos.

Publicidade

Como o cartão de crédito era pouco usado até então, não foi incluída a sua obrigatoriedade. No entanto, agora muita coisa mudou.

Estamos vivendo novos tempos. A cada dia que passa, o papel moeda está sendo menos utilizado. Praticamente todas as lojas já aceitam cartões.

Já parou para pensar que o pedágio ainda é um dos poucos locais que não aceita cartão? Portanto, essa nova PL vem para melhorar essa questão.


Publicidade

Veja também:


O que diz o Projeto de Lei (PL) 4.643/2020?

Antes de mais nada é preciso dizer que a PL 4.643/2020 é de autoria do senador Eduardo Girão (Podemos-CE).

Nele fica estabelecido que outros meios de pagamento sejam aceitos no pedágio. Além do dinheiro, é claro.

Publicidade

Dessa forma, as concessionárias teriam que aceitar cartões de crédito, débito ou então meios de pagamentos digitais como o QR Code por exemplo.

Só para ilustrar, cerca de ⅓ dos consumidores do país preferem pagar com cartão do que dinheiro. Essa informação vem de um levantamento realizado pelo SPC (Serviço de Proteção de Crédito).

Sendo assim, o senador enaltece que nem sempre os motoristas conseguem ter o dinheiro para o pagamento. Por isso, acabam sendo pegos desprevenidos.

O problema se agrava principalmente de noite. Afinal, neste horário, não é possível encontrar facilmente um caixa eletrônico em funcionamento.

Como é feito o pagamento do pedágio atualmente?

Atualmente as concessionárias ainda adotam a prática de apenas receber o papel-moeda como meio de pagamento.

Isso acaba prejudicando bastante os motoristas, pois eles precisam andar com o dinheiro no bolso, correndo inclusive riscos de assalto.

Publicidade

Além disso, o tempo médio de permanência na cabine é maior. Afinal, o motorista demora mais para separar o dinheiro. E ainda tem o tempo para a separação do troco.

Publicidade

Com o pagamento feito pelo cartão há muito mais agilidade. Principalmente quando o pagamento é feito por aproximação.

Ou seja, se a tecnologia avançou, não há fundamento continuar como está. E para que a mudança ocorra é preciso, entretanto, mudar a lei.

O cartão de crédito como meio de pagamento

O cartão de crédito vem crescendo bastante como meio de pagamento. Principalmente depois da pandemia.

Esse é inclusive um fator agravante. Afinal, há um risco muito maior no uso do papel-moeda, que pode conter vírus.

Por isso, o senador enaltece o uso do cartão de crédito. E convenhamos, usar um cartão é muito mais prático.

Publicidade

Fora que hoje há muitas outras vantagens como: cashback, programa de pontos, prazo para pagamentos, dentre outros.

Só para ilustrar, o cartão Méliuz chega a dar até 1,8% de cashback nas compras realizadas com o cartão. Esse é o futuro cada vez mais presente em nossas vidas.

CARTÃO MÉLIUZ
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO MÉLIUZ

CASHBACK
 
SEM ANUIDADE
Receba de volta parte do dinheiro que gastar
Você permanecerá no site atual

Gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos nas redes sociais.