Pagamento por WhatsApp: o que pode, e o que não pode?

Agora é possível fazer pagamento e recebimento de valores por WhatsApp. No entanto, a funcionalidade está disponível apenas para pessoas físicas com cartões nas instituições parceiras do App.



Anúncios



Anúncios

Pagamento por WhatsApp

WhatsApp

Estamos acostumados a mandar memes, fotos, vídeos e mensagens por WhatsApp. Isso inclusive faz parte da nossa rotina moderna. Mas agora, além de tudo isso, também podemos mandar e receber dinheiro pelo mensageiro.

O App passou a disponibilizar recentemente essa nova função para os seus usuários. Dessa forma, agora é possível fazer pagamentos e recebimentos pelas conversas de maneira simples e fácil, assim como mandar uma foto.

Mas como vai funcionar essa nova modalidade? Será possível usar contas pagando com um cartão de crédito? Serão aceitos todos os cartões para realizar pagamentos? Quer tirar todas essas dúvidas? Então continue com a gente neste artigo.

CARTÃO BANCO INTER
CARTÃO DA CONTA DIGITAL

CARTÃO BANCO INTER

SEM ANUIDADE
 
CASHBACK
Cartão internacional sem taxas e com cashback!
Você permanecerá no site atual

O que pode fazer no pagamento por WhatsApp?

Vamos lá, se você quer usar o serviço de pagamento do WhatsApp, saiba que dá para transferir e receber dinheiro de familiares ou amigos sem pagar nenhuma taxa de juros. Mas as transferências só podem ser feitas entre pessoas físicas.



Anúncios



Anúncios

Sendo assim, não dá para transferir dinheiro, ao menos nesse primeiro momento, para empresas. Além disso, se você ainda não ativou essa função, mas um amigo seu sim, ele pode te enviar dinheiro pelo mensageiro.

E a partir do momento que ele faz a transferência para você, a sua conta no WhatsApp passa a ter essa função disponível. Ah, e dentro de uma conversa, você pode solicitar o pagamento para algum amigo que te deve.

Na hora de fazer o pagamento também é bem simples, assim como mandar uma foto. É só acessar a conversa com a pessoa, escolher a opção pagamento, inserir o valor e depois a senha ou a biometria.



Anúncios

Dá também para cadastrar vários cartões, mas só um será considerado padrão. No entanto, eles precisam ser das instituições que aderiram ao serviço, como o Banco Inter, por exemplo. Além disso, os cartões precisam ser de débito ou pré-pago.


Veja também:


O que não dá para fazer pelo WhatsApp?

Agora que já falamos tudo o que dá para fazer pelo WhatsApp, vamos falar o que não dá para fazer na nova opção de pagamentos. Uma coisa que não dá para fazer é transferir ou receber dinheiro de empresas.

Além disso, também não dá para pagar uma compra, uma vez que nesse primeiro momento não estão sendo aceitas transações entre CNPJ´s. Outro detalhe é que as transferências só podem ser feitas para quem está na sua lista de contato.

Então, mesmo que você tenha iniciado uma conversa com alguém, certifique-se de salvar aquele contato na sua lista se quiser enviar ou receber pagamento. Ademais, também não são aceitos cartões de conta que não aderiram ao sistema.

Nesse primeiro momento também não está sendo permitido o pagamento e recebimento pelo WhatsApp Web. Apenas na versão mobile pode ser feita as transferências de valores. Também não é possível fazer a transferência para um banco.

Limitação de valores na hora de transferir

As transações via WhatsApp também não podem ser superiores a R$ 1 mil, sendo que no mês elas não podem exceder o valor de R$ 5 mil. Fora isso, também não podem ser feitas mais do que 20 transações por dia.

Nesse primeiro momento, somente clientes das instituições Banco do Brasil, Bradesco, Inter, Mercado Pago, Next, Nubank, Sicredi, Woop estão autorizados a fazer operações pelo mensageiro. Clientes de outras instituições terão que esperar a adesão.



Anúncios

Agora que você já sabe o que pode ou não fazer usando o serviço de pagamentos e recebimentos do WhatsApp já pode começar a usar o mensageiro para pagar os seus amigos, ou dividir a conta do restaurante.

Gostou deste artigo? Então não deixe de compartilhar com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar o conhecimento.