Por que os juros do crédito consignado estão tão baixos?

Com uma das menores taxas do mercado, o crédito consignado teve uma queda ainda maior na taxa de juros, chegando em 18% ao ano em novembro do ano passado. Entenda os juros.

Publicidade
Publicidade

Juros do crédito consignado

Juros do crédito consignado

Muitas pessoas estão se perguntando por que os juros do crédito consignado estão tão baixos, e se isso realmente vai perdurar por muito tempo. A verdade é que há diversos fatores que estão colaborando para isso.

Um deles é o fato da Taxa Selic ter atingido o seu menor patamar da história, tendo subido há cerca de um mês atrás. Outro motivo que colaborou para a queda na taxa de juros do consignado foram os novos entrantes no mercado.

Em novembro do ano passado, as taxas médias de juros do consignado caíram de 21% para 18% atingindo o menor patamar da história. Quer saber mais sobre a queda na taxa de juros do crédito consignado? Então continue por aqui só mais alguns minutinhos.

Por que os juros do crédito consignado estão tão baixos?

Conforme antecipamos, uma das razões para a taxa de juros do crédito consignado estar tão baixa é a própria queda da Taxa Selic que chegou ao seu menor patamar no ano passado, atingindo 2% ao ano.

Anúncios
Publicidade

O outro motivo é o aumento na oferta que faz o preço cair. Essa é uma lógica econômica. E nos últimos anos novos competidores entraram nesse mercado, principalmente os bancos médios que até então não atuavam nessa modalidade.

Segundo a Associação Brasileira de Bancos (ABBC), hoje já existem 30 bancos médios e fintechs que estão oferecendo crédito consignado para os seus clientes. E há uma tendência de aumentar ainda mais essa competitividade.

Publicidade

Alex Sander Gonçalves, diretor da ABBC e executivo do Banco Pan, destaca que uma grande parte da carteira do crédito consignado ainda está nas mãos dos grandes bancos e por isso há espaço para o aumento da oferta.


Veja também:


Investimento maior nesse segmento

O executivo ainda destaca que tanto as fintechs quanto os bancos digitais estão chegando para se consolidar nesse mercado e por isso estão investindo pesado em tecnologia para melhorar os canais de atendimento e a oferta de produtos.

Qual o motivo para esse avanço no mercado de crédito consignado? A resposta é a baixa inadimplência que esse tipo de empréstimo possui. Sem contar que apesar dos baixos juros, ele oferece boas margens para a instituição que está emprestando o crédito.

Publicidade

Além disso, os bancos que atuam nessa área ainda podem fazer a troca de dívidas dos seus clientes, trocando o crédito mais caro pelo mais barato, no caso o próprio consignado. E mercado não falta para isso.

Só para ter uma ideia os grandes bancos detém cerca de 80% de todos os recursos emprestados no crédito consignado. Ou seja, ainda existe uma grande concentração nesse setor e por isso há espaço para a atuação dos concorrentes.

Juros do consignado vão continuar baixos?

De acordo com o Boletim Focus, a taxa básica de juros da economia tende a se elevar no decorrer do ano, chegando a bater 6% no ano que vem. Isso pode puxar os juros do crédito consignado junto.

Publicidade

Mas, por outro lado, com o aumento da oferta no mercado, há uma tendência de taxas melhores para os clientes. Portanto, mesmo que os juros subam, eles ainda serão proporcionalmente menores do que outros empréstimos.

Um dos pontos negativos é que o crédito consignado no Brasil não é muito difundido para os funcionários da iniciativa privada, ficando exclusivamente concentrado entre os funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS.

Para eles, independente se a escolha for Banco Inter, Banco Pan ou qualquer outro, essa é uma taxa bastante atrativa e vale a pena o empréstimo. Gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos e parentes nas suas redes sociais.