Selic baixa: como se proteger da inflação?

Com a taxa Selic baixa, você sabia que é possível que você esteja perdendo dinheiro na poupança ao invés de ganhar? Entenda a seguir.



Anúncios



Anúncios

Selic baixa

Selic baixa

A Taxa Selic está em seu menor patamar histórico. E com ela nesse patamar como é possível se proteger da inflação?

Quem costuma ter um dinheiro guardado em poupança é bom ficar atento. Pois, é bem possível que você esteja perdendo dinheiro ao invés de ganhar.

Isso acontece porque a poupança costuma remunerar em 70% da Taxa Selic, e como a Selic está em 2% ao ano, a remuneração da poupança será cerca de 1,4%.

Como a inflação esperada para 2020 é de aproximadamente 1,76% a 2,25%, o rendimento do dinheiro na poupança é inferior à própria inflação.



Anúncios



Anúncios

Isso quer dizer, que o dinheiro que você possui guardado em uma poupança, mesmo com o rendimento não será capaz de comprar os mesmos itens daqui um ano.

Mas como se proteger da inflação com a selic baixa?

Para se proteger da inflação e melhorar o seu rendimento é preciso recorrer a outros tipos de investimentos que estão sendo disponibilizados no mercado.

No entanto, em primeiro lugar é preciso conhecer o seu perfil de investidor, estudar bem o mercado financeiro e também diversificar os seus investimentos.



Anúncios

Dessa forma, se você é uma pessoa que não quer correr tantos riscos, será necessário buscar títulos de renda fixa. Já se você possui um perfil um pouco mais arrojado, há a possibilidade de se investir em renda variável.

No mercado de renda fixa, a grande maioria dos bancos oferece títulos de CDB que remuneram 100% do CDI. Ou seja, algo em torno de 2% ao ano. Embora seja baixo, você não irá perder para a inflação.

Também existem títulos do Tesouro Direto que são indexados ao IPCA que é o principal índice que indica a inflação no país. Esse é um título de renda fixa que protege o seu patrimônio contra a inflação.

Investindo em títulos de renda variável

Agora se você já possui um perfil um pouco mais arrojado é possível obter mais ganhos no mercado financeiro. E nesse caso há diversos tipos de opções.

Você pode começar optando pelos fundos de investimentos, onde você irá comprar cotas de um fundo sem a necessidade de ficar fazendo análises.

Até porque há um gestor do fundo que é o responsável por buscar no mercado títulos de boa rentabilidade que irão compor o próprio fundo.

Há diversos tipos de fundos de investimentos como: fundos imobiliários, fundos multimercados, fundos de renda fixa, dentre outros.



Anúncios

Há inclusive a possibilidade de investir em fundos internacionais, amparados na bolsa norte americana. E nesse caso, além de proteger o seu dinheiro da inflação, você também se protege da desvalorização cambial.


Veja também:


Investindo em ações contra a Selic Baixa

Se você é um pouco mais ousado e possui um certo conhecimento do mercado financeiro, há a possibilidade de investir em ações diretamente na Bolsa de Valores.

Dessa forma, você irá adquirir participação societária nas grandes organizações. Todavia, se você possui uma determinada quantia de ações de uma empresa e essa empresa vai mal, você irá perder dinheiro.

Por isso, nesse mercado além de conhecimento é imprescindível também diversificar. Ou seja, comprar um pouco de ações de diversas empresas diferentes, inclusive de ramos bem diferentes.

Dessa maneira, se uma empresa não apresentar os resultados desejados, mas outra apresentar, haverá um equilíbrio de rentabilidade, e você ganhará dinheiro.

O importante nesse momento é procurar melhorar o conhecimento sobre o assunto, pois possibilidades de investimentos é o que não faltam. O que não dá é para deixar o dinheiro na poupança perdendo para a inflação.



Anúncios

Gostou deste artigo? Deixe o seu comentário, sua sugestão e compartilhe esta notícia com seus amigos nas redes sociais.